Vendas no varejo americano devem chegar a US$ 3,9 trilhões em 2020

As vendas no varejo dos EUA devem aumentar entre 3,5% e 4,1%, para mais de US$ 3,9 trilhões em 2020, apesar dos temores em torno do surto de coronavírus e de uma guerra comercial em andamento, informou a Federação Nacional de Varejo (NRF) nesta quarta-feira (26).

O grupo da indústria de varejo citou o crescimento constante dos salários, taxas de juros mais baixas e forte confiança do consumidor para apoiar suas previsões. Ele também pressupõe que o surto de coronavírus não se tornará uma pandemia global.

No entanto, a NRF disse que espera que as vendas sejam afetadas se as paralisações das fábricas na China continuarem. As projeções incluem vendas online e em lojas físicas.

Os resultados preliminares mostram que as vendas no varejo em 2019 cresceram 3,7% em relação a 2018, para US$ 3,79 trilhões, ficando aquém da previsão da entidade comercial de crescimento de pelo menos 3,8%, informou a NRF.

“Sempre existem curingas que não podemos controlar como o coronavírus e um ano eleitoral com carga política”, disse o presidente e executivo-chefe da NRF, Matthew Shay. “Mas quando se trata dos fundamentos, nossa economia é sólida e os consumidores continuam liderando o caminho.”

O economista-chefe da NRF, Jack Kleinhenz, disse que, embora “a economia esteja crescendo em um ritmo mais modesto”, os consumidores estão gastando dinheiro, alimentados pelo crescimento constante dos salários e por um forte mercado de trabalho.

Com informações da Reuters
* Imagem reprodução

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: