fbpx

Adaptabilidade virtual

A Gouvêa Consulting, unidade de consultoria do ecossistema da Gouvêa Ecosystem, participou intensamente do Global Retail Show, evento global digital com as principais lideranças do mercado brasileiro e internacional.

Além dos painéis diretamente por nós conduzidos, participamos de diversos outros ao longo desta inovadora, intensa e virtual semana de trocas de experiências e compartilhamento de dados e conhecimento.

Assumindo como única essa aproximação com os diversos segmentos, líderes e executivos e, muito embora seja uma missão muito difícil apontar o que mais valeu a pena ou qual foi a ideia mais inovadora, acreditamos ser nossa missão – como especialistas do segmento –  compartilhar aqui com vocês a nossa curadoria de ideias ou extrato do que apreendemos no evento:

Novo mix para a estratégia de canais Digital e Físico

Muitos já ouviram durante esta pandemia que foi ela (a pandemia) a responsável pela transformação digital nas empresas, e o que sabemos é que uma transformação digital envolve vários impactos em processos, pessoas, infraestrutura de nuvem, estratégia de dados e estratégia de canais. Para este último, destaca-se o DIGITAL que antes era indispensável em qualquer estratégia de distribuição, e que tornou-se único ao longo da pandemia, incluindo desde grandes empresas como Casas Bahia e Renner abrindo e expandindo suas vendas via Whatsapp, mas como qualquer restaurante que resistiu ao delivery em sua operação, se viu obrigado a estabelecer parcerias de distribuição e criação de apps próprios para seguir no mercado.

Agora acreditamos que, no pós-Covid, esta estratégia se torna central (parafraseando o CEO do Google Brasil, Fabio Coelho), pois, em qualquer que seja o cenário de retomada, este canal ganhou força e público que serão irreversíveis.

Ou seja, o que mais impressiona é a velocidade do nosso varejo adaptando-se às pressões do meio, acelerando irreversivelmente a transformação digital de sua relação com o consumidor, ou simplesmente desapareceriam… E, como se isso fosse pouco para esta revolução, em 5 meses tiveram que rever a função da loja física, pois para qualquer retomada será necessário contemplar novas premissas: atrair e oferecer segurança, eficiência e entretenimento, ou então perdem para o canal digital.

O desafio agora – e de novo, nenhuma novidade, porém imperativo – será o perfeito equilíbrio entre o Digital e o Físico em termos de oferta e experiências, sem perder de vista que todo o crescimento visto no Digital permanecerá neste canal sem renunciar à conveniência e segurança ofertadas.

A indústria vai ao varejo, fortalecida

A indústria se estabelece no canal direto, supera desafios de perda de foco, conflito de canais e consegue harmonizar todos esses ingredientes para uma entrega de experiência única pelo conhecimento que tem dos seus produtos e os benefícios com o pulso do consumidor em suas mãos, coletando dados, testando formatos e produtos, se aproximando da diversidade social e aprendendo com ela, assim produzindo o que o consumidor quer de fato!

Ecossistemas: Novos formatos de Negócios e Alianças Estratégicas

Fica evidente que o mercado é amplo e que nenhuma empresa sozinha conseguirá abocanhar uma grande fatia sem buscar criar ao seu redor uma teia de soluções e serviços que contemplem a ampla diversidade e necessidade dos consumidores. Sozinho, esse trabalho é árduo e muito longo; unir competências complementares acelera a oferta e incrementa o valor percebido. Parcerias inusitadas estão surgindo aos quatro cantos, aquilo que inicialmente pareceria ser concorrência torna-se complementariedade, gerando novos formatos de negócio, sustentabilidade, eficiência e relevância.

Inteligência Artificial [AI] + Inteligência Humana: nova colaboração

Cada vez mais oferecendo acuracidade nos dados e análises preditivas, a AI fará parte do dia a dia nas empresas. Entendendo unicidade de cada indivíduo, traduzindo isso a uma oferta preditiva customizada. A rápida evolução neste aspecto já é sentida em vários segmentos especialmente no digital, mas, os físicos não ficarão pra trás, muito em breve todos os dados coletados e processados nos espaços físicos gerarão um ponto de venda mais preciso para os seus diversos púbicos.

#adaptabilidadedigital foi a grande protagonista deste show e uma vez mais parafraseando Fabio do Google Brasil: parabéns aos varejistas brasileiros! Enfrentando tantas dificuldades, seguiram vendendo, aprendendo e gerenciando seus negócios nesta crise sem precedentes! #orgulho

NOTA: A Gouvêa Consulting, consultoria de negócios do ecossistema Gouvêa de Souza, atua da estratégia à operação dos negócios, apoiando as empresas a redirecionarem seus planos estratégicos de forma ágil, transformadora e digital.

Jean Paul Rebetez (jean.rebetez@gseconsult.com.br)

* Imagem reprodução

 

 

Jean Rebetez

Jean Rebetez

Jean Paul Rebetez é sócio-diretor da Gouvêa Consulting, empresa de consultoria do ecossistema da Gouvêa que atua na transformação de negócios associados ao varejo e consumo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: