fbpx

Via, Magalu, Americanas e RD estão entre as 250 maiores varejistas do mundo

Empresas norte-americanos dominam ranking da Deloitte

Quatro redes varejistas brasileiras estão entre as 250 maiores do mundo: Via Varejo (que recentemente mudou o nome para Via, em 168ª posição), Magazine Luiza (209ª), Lojas Americanas (que combinou as operações com a B2W, em 222ª) e Raia Drogasil (223ª). Elas constam da pesquisa “Os Poderosos do Varejo Global 2021”, elaborada pela Deloitte com base em dados do ano fiscal de 2019, encerrado em 30 de junho do ano passado.

O relatório mostra que a receita gerada pelas empresas presentes no ranking foi de US$ 4,85 trilhões no ano fiscal de 2019, representando um crescimento de 4,4% em relação ao ano anterior. A receita gerada pelas empresas brasileiras foi de US$ 5,22 milhões no mesmo período.  Magazine Luiza e a Raia Drogasil se destacaram: tiveram um crescimento de 27,5% e 18,5%, respectivamente.

“Mais uma vez o Brasil marca presença no ranking com quatro grandes varejistas e duas delas apresentaram um bom crescimento, impulsionadas, principalmente, pela rápida expansão das lojas, além do desenvolvimento de e-commerce e aquisição de outras marcas. Esse aumento, principalmente em tempos de crise, mostra o quanto é importante as empresas se planejarem e estarem preparadas para novos e imprevisíveis rumos. O que esperamos é que 2021 e os próximos anos, com as medidas que já estão sendo tomadas para conter a pandemia, sejam de ascensão contínua para a economia”, analisa o sócio-líder de Consumer da Deloitte, Ricardo Balkins.

Walmart é a primeira colocada do ranking há mais de uma década

Americanas dominam o ranking

Ainda que a presença de Via, Magalu, Americanas e RD na lista demonstre a resiliência do setor em meio à pandemia de Covid-19, as varejistas norte-americanas são o grande destaque da pesquisa: elas contribuíram com quase metade da receita total do ranking de 250 empresas em 2019.

Elas também tiveram a maior receita média de varejo, de US$ 28,6 bilhões, que é muito superior à média global de US$ 19,4 bilhões. Walmart, Amazon e Costco ocupam as primeiras posições no Top 10. O Walmart mantém a posição de maior varejista do mundo há mais de uma década.

A receita mínima para uma empresa entrar no Top 250 no ranking é de US$ 4 bilhões. O setor de produtos de bens de consumo tem o maior número de varejistas (135) na lista Top 250 e gerou 66% da receita do varejo em 2019. Essas empresas possuem a maior receita média do varejo (US$ 23,7 bilhões), porém este é um setor de baixa margem, com a menor margem de lucro líquido de todos os setores (2%).

“O e-commerce e os descontos impulsionaram o alto crescimento da receita no varejo”, afirma o líder do Setor de Varejo Global, Atacado & Distribuição da Deloitte, Evan Sheehan. “Cinco das dez empresas do ramo que mais cresceram eram varejistas online e sete das 20 empresas que mais cresceram eram varejistas de descontos.”

Imagem: Divulgação

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: