fbpx

O papel da educação na economia financeira nos dias de hoje

Educação é o fator chave para reter o dinheiro e depois conseguir multiplica-lo

As operações envolvendo trading, criptomoedas e o novo mercado financeiro estão diretamente relacionadas com os impactos causados na economia global pelos negócios 4.0. Esse foi o tema do painel no palco principal da 13º Edição da Campus Party Brasil neste domingo, 14.

O evento contou com a participação de palestrantes que debateram um pouco sobre esse novo mercado.Para Matías Notaro, presidente da ITEF (Intituto de Trading, Economia e Finanças), definiu como muito importante  entender sobre esses mercados e sobre finanças pessoais nos dias atuais.

Notaro abordou o que considera ser os 3 pilares fundamentais para as finanças pessoais: o primeiro é a geração desse dinheiro, seja através do seu próprio negócio ou serviços.  “Muitas das pessoas na América Latina tendem a gastar o dinheiro ganho facilmente. Por esse motivo, é importante aplicar na nossa vida as finanças pessoais”, completa o executivo.

O segundo pilar é a retenção desse dinheiro através de uma boa gestão de capital. De acordo com Matías, com a boa gestão, consequentemente alcançamos o terceiro pilar, que é o da multiplicação. “A multiplicação desse dinheiro se faz através dos mercados financeiros”, complementa Notaro.

Educação é fator-chave

“Através desses mercados, nós multiplicamos o capital que havíamos retido e previamente gerado. Dessa forma, podemos obter o que conhecemos como liberdade financeira”, finaliza Notaro.

Para o coach ontológico Adriel Calomite, a educação é o fator-chave para reter o dinheiro e depois  multiplicá-lo. Ele também define alguns pilares fundamentais para trabalhar a educação financeira.

“Hoje utilizamos o coaching como ferramenta para conseguir trabalhar com as pessoas de dentro para fora. Acreditamos que a chave não é trabalhar somente a parte externa, mas a parte interna para conseguir, por exemplo, gerenciar nossas emoções”, adiciona Calomite.

O também coach ontológico e trader profissional, Rodrigo Garcia, reforçou a ideia de manejar e saber controlar os sentimentos ao reagir às adversidades. “Se vocês querem ter êxito, não entrem em desespero. Sigam buscando informação e não abandonem suas ideias. Não se ganha dinheiro rápido, é uma questão de tempo”, disse Garcia.

Imagem: Marcelo Audinino

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: