Ambipar cria tecnologia de reflorestamento em massa através de biocápsulas

O lançamento das biocápsula é feito via drone, que pode carregar entre 1000 e 3000 cápsulas por viagem

A Ambipar, multinacional em gestão ambiental, criou um novo produto focado na prática de reflorestamento em massa. O item foi desenvolvido pelo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento da empresa e consiste no lançamento de biocápsulas de sementes através de um drone.

A tecnologia utiliza cápsulas de colágeno que seriam descartadas em aterros sanitários, mas que voltam à natureza em forma de árvores. Isso ocorre, pois o inóculo da cápsula é preenchido com sementes de plantas nativas que foram coletadas nas próprias florestas de cada bioma.

No bioma amazônico, por exemplo, o trabalho de coleta de sementes é feito pelos próprios indígenas, como o Instituto Raoni e a cooperativa indígena Caik. Após a coleta, as sementes são levadas para o laboratório, encapsuladas junto com um adubo orgânico e, por fim, lançadas remotamente por satélite. O grande diferencial desse tipo de lançamento é que permite atingir locais remotos e de difícil acesso.

Ao entrarem em contato com a água, as cápsulas derretem e formam os nutrientes e organismos biológicos necessários que ativam a semente, aumentando as chances de germinação, especialmente em solos degradados por desmatamento e queimadas. Além disso, a cápsula também protege a semente do sol.

Lançamento por drone

As biocápsulas são lançadas por meio de um dispositivo acoplado ao drone, que pode carregar de 1.000 a 3.000 cápsulas. Outro ponto particular dessa tecnologia é que o processo de germinação pode ser monitorado via satélite com softwares que fazem a leitura da copa das árvores, ou seja, acompanhando a evolução da árvore.

Todo o processo foi testado em áreas estratégicas, como mata ciliares degradadas que se encontram no entorno da Serra da Cantareira, em São Paulo. A Ambipar já fez o pedido de registro de patente dessa tecnologia e aguarda o fim dos processos.

Atualmente, o Brasil possui um dos índices mais altos de desmatamento no mundo, com uma média de 6.750 km² por ano na última década.  Segundo dados são do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) de 2020, somente em 2019 observou um aumento de 34% em relação ao ano anterior.

Imagem: Divulgação

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: