Prosegur aposta na diversificação de negócios e lança soluções para o varejo

Grupo investiu em mecanismos para viabilizar o uso do papel moeda entre os consumidores e varejistas

A aceleração digital e as mudanças do comportamento do consumidor têm impulsionado uma profunda transformação do mercado de pagamentos no Brasil. Apesar do avanço dos meios de pagamento digitais, no entanto, o dinheiro em papel ainda é o mais usado. Diante dessa realidade, a Prosegur Cash Brasil tem investido em soluções para viabilizar o uso do papel moeda entre os consumidores e varejistas.

Entre os mecanismos para ampliar a circulação estão o uso de cofres inteligentes e o serviço de correspondente bancário, que oferece o saque dos valores, entre outros serviços em diversas regiões, beneficiando o cliente-usuário e os comerciantes locais.

“Acreditamos que o dinheiro em sua forma física continuará tendo um papel importante e fundamental na sociedade brasileira, principalmente nas classes sociais que possuem uma renda mais baixa. Seu uso no comércio local, feiras livres, pagamento de contas com valores baixos ou médios continuarão fazendo parte da rotina da população, ainda que as demais formas de pagamentos sejam inseridas”, afirma Sérgio França, diretor comercial e estratégia da Prosegur Cash Brasil.

Segundo ele, parte da diversificação ocorre no negócio de correspondente bancário, que dá acesso a serviços financeiros à população brasileira que não tem acesso ao digital.

Esse serviço, destaca França, tem contribuído para o desenvolvimento local de municípios que não possuem agências bancárias. “Temos casos de cidades pequenas onde estas unidades se tornaram fundamentais para a vida dos cidadãos”, afirma. Ele cita como exemplo o fechamento de mais de 1.500 agências e pontos de atendimento feitos pelos três principais bancos privados do Brasil.

Para os varejistas e pequeno comércio, um dos produtos desenvolvidos foi o cofre inteligente. “Vimos que nossos clientes tinham uma preocupação em relação a imprevistos e chegadas do carro-forte. Foi aí que desenvolvemos o cofre inteligente, um equipamento com a robustez necessária e tecnologia para contagem e identificação de cédulas”, diz.

Falta de troco

Para resolver um problema comum no comércio, a falta de troco, a empresa criou o Catamoeda, onde o cliente deposita suas moedas para trocar por cédulas ou por vantagens exclusivas, como vales-compras com bônus e créditos para celulares e games ou ajudar uma instituição beneficente. Os depósitos são monitorados em tempo real no painel de controle, que são separadas por valor e somadas.

A unidade de negócio Prosegur Cash é responsável pelos serviços de Logística de Valores do Grupo Prosegur e tem alcance de mais de 80% do território brasileiro.

Imagem: Shutterstock

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: