Confira 5 dicas para digitalizar pequenos e médios restaurantes

Atualmente, os restaurantes e lojistas PME representam 86% dos mais de 270 mil estabelecimentos cadastrados no iFood

A pandemia impactou e exigiu que os diversos setores se adaptassem em meio as restrições sanitárias impostas, e com o setor de bares e restaurantes não foi diferente. Desde então, o processo de digitalização de restaurantes, especialmente pequenos e médios, tem potencializado os estabelecimentos. Somado a este movimento, a adesão do delivery, que já era tendência, foi impulsionado pela pandemia.

Somente no iFood, a maior techfood da América Latina, houve um crescimento de 27% de pequenos e médios restaurantes (PMEs) na plataforma, em um ano. Atualmente, os restaurantes e lojistas PME representam 86% dos mais de 270 mil estabelecimentos cadastrados na techfood.

Buscando auxiliar no processo de digitalização dos PMEs, o iFood separou 5 dicas para os locais que querem se digitalizar:

1 Juntar a experiência física e digital

Além de focar as vendas apenas no salão e balcão, é importante apostar em canais digitais também. Cadastrar o restaurante em aplicativos de delivery é o primeiro passo. O modelo híbrido a potencializar as vendas, além de atingir e conquistar diferentes perfis de cliente e comportamento de compra.

2. Cardápio Digital

Essa alternativa permite ao restaurante digitalizar e divulgar o cardápio, com link próprio para uso em aplicativo de mensagens e redes sociais. Através de um link do menu digital, os consumidores fazem pedido dirtamente ao estabelecimento, que fica responsável por todo o processo de divulgação, entrega e suporte. Essa é uma facilidade que tem atraído cada vez mais clientes.

3. Foque na experiência do cliente

Acompanhar a jornada do cliente de ponta a ponta é fundamental. Neste ponto, vale analisar as avaliações, indicadores da plataforma, canais de atendimento, assim como treinamento e capacitação dos fornecedores envolvidos na operação do negócio. Aqui também são bem-vindas promoções e ações de fidelização.

4. Diversifique os meios de pagamento

Oferecer os mais variados meios digitais de pagamento se torna cada vez mais relevante para o restaurante, especialmente em um período em que o brasileiro se digitalizou rapidamente. Por tanto, aceitar cartões, pix, parcelamentos e carteiras digitais se tornou tão relevante. Entretanto, a diversificação dos meios de pagamento também requer segurança, uma garantia oferecida pelos apps de delivery.

5. Bom uso das redes sociais

As redes sociais são cada vez mais importantes, já que se tornaram ferramentas de grande alcance e multiplicadores de informação do seu restaurante. Nestes canais, é possivel linkar o cardápio digital e até adicionar botões para pedir comida, seja com redirecionamento para aplicativos de delivery ou para um contato direto com o restaurante.

Imagem: Divulgação

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: