McDonald’s convida grafiteiros para transformar fachadas de restaurantes

Objetivo é explorar o tema mobilidade, unindo os principais produtos da marca com características regionais de cada local

McDonald’s convida grafiteiros para transformar fachadas de restaurantes

O McDonald’s convidou grafiteiros de seis estados do Brasil para criarem artes nas fachadas ou em muros próximos do Drive-Tudo de 15 restaurantes em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Pernambuco, Distrito Federal e Bahia.

Batizado de Projeto Graffiti é fruto de mais uma parceria com a agência The Hub e tem como objetivo explorar o tema mobilidade, unindo os principais produtos da marca com características regionais de cada local.

Já são mais de 11 paredes grafitadas por artistas regionais dos seis estados escolhidos para o projeto. Em São Paulo, o grafiteiro Renato Gave fez uma obra no Mèqui da rua Henrique Schaumann, no bairro de Pinheiros.

“Minha arte traz uma linguagem jovem e ilustrações caricatas para que eu provoque e fermente ideias criativas no meu público, usando sempre tons quentes e desenhos suaves. Participar do projeto do Méqui foi, com certeza, uma experiência única”, afirma Renato.

Artistas participantes

Além de Gave, Celso Campos (Gatuno) e Lelin Alves foram escolhidos para grafitar as paredes dos restaurantes em São Paulo. Nas demais regiões, participaram do projeto outros 10 grafiteiros, entre eles estão Regis Teixeira, Kajaman, Teo Armando, Sascha Beeler, Deleon, Jotapê Pax, Bernardo Belezzia (Sober.Nardo), Teo Movase, Ramon Phanton (Salve os Muros) e Anderson (and.aero).

“O Méqui está sempre buscando novas formas de transformar as experiências dentro e fora dos restaurantes. O projeto Graffiti chega para reforçar esse cuidado e para manter um diálogo com nossos consumidores de maneira lúdica enquanto passam pelo Drive-Tudo”, diz João Branco, CMO do McDonald’s no Brasil.

Imagem: Divulgação

Sair da versão mobile