fbpx

Grupo Pague Menos compra Extrafarma por R$ 700 milhões

Empresa se transforma na segunda maior rede de farmácias no Brasil

A Ultrapar Participações anunciou nesta terça-feira (18) a assinatura de contrato para a venda da totalidade das ações da Extrafarma (Imifarma Produtos Farmacêuticos e Cosméticos S.A.) para o grupo farmacêutico Pague Menos.

A transação já havia sido antecipada pelo Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado. O valor total da venda é de R$ 700 milhões, sujeito a ajustes devido a variações de capital de giro e à posição da dívida líquida da Extrafarma na data de fechamento da transação.

A Ultrapar afirma estar em processo de revisão de seu portfólio de negócios, com investimentos centrados em óleo e gás no Brasil, que permitem maior eficiência e potencial de geração de valor. O foco da gestão e a redução da alavancagem são benefícios adicionais da transação para a Ultrapar, diz a empresa.

“Para a Pague Menos, a combinação com a Extrafarma acelerará seu plano de expansão, ampliará sua presença nas regiões Norte e Nordeste e a transformará na segunda maior rede de farmácias no Brasil em número de lojas”, diz a Ultrapar, em fato relevante.

O pagamento da transação será em três parcelas: 50% na data de fechamento e 25% em cada aniversário de um e dois anos do fechamento, com fiança prestada por acionista como garantia para as duas últimas parcelas. A consumação da transação está sujeita a determinadas condições usuais, incluindo aprovação pelas autoridades concorrenciais e pela assembleia geral de acionistas da Pague Menos.

Será concedido, ainda, direito de preferência aos acionistas da Ultrapar que desejarem adquirir ações da Extrafarma, na proporção das respectivas participações no capital social da Ultrapar e pelo mesmo preço por ação a ser pago pela Pague Menos. A Ultrapar vai convocar em breve uma assembleia geral de acionistas para formalizar o oferecimento do direito de preferência, com o detalhamento do procedimento.

A Extrafarma e a Pague Menos manterão o curso normal de seus negócios de maneira independente até o fechamento da transação, diz a Ultrapar.

Com informações Estadão Conteúdo (Daniele Madureira)
Imagem: Divulgação

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: