fbpx

B3 e GPTW lançam índice com foco em melhores práticas

Empresas certificadas pelo Great Place To Work serão consideradas para compor o novo indicador

A B3, bolsa do Brasil, e a consultoria global Great Place to Work anunciaram a criação de um novo índice com foco nas empresas que possuem as melhores práticas no mercado de trabalho, o Índice GPTW B3.

O objetivo do índice é ser o indicador de desempenho médio das empresas certificadas pela GPTW listadas na B3. Para a seleção, o ativo deverá atender critérios de liquidez, como estar presente em 95% dos pregões dos últimos 12 meses e não ser classificado como penny stock (ações de empresas que são negociadas a valores muito baixos).

O IGPTW B3 vai fazer parte da família de índices com foco em ESG – sigla em inglês para ambiental, social e governança – ao lado do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE B3), do Índice de Carbono Eficiente (ICO2 B3), do Índice S&P/B3 Brasil ESG, além de outros que olham especificamente a governança entre as empresas listadas.

“Esse é o primeiro Índice GPTW no mundo, ou seja, os investidores brasileiros terão mais uma alternativa para acompanhar o mercado financeiro com um viés ESG. Dentro da nossa estratégia de negócios, temos o papel de induzir as boas práticas ESG e ampliar a oferta de produtos e serviços que apoiem os nossos clientes e que ajudem o mercado nesta evolução”, afirma Luís Kondic, diretor-executivo de Produtos Listados e Dados da B3.

Empresas certificadas

O novo índice será lançado em janeiro de 2022 e vai levar em consideração as empresas certificadas pela GPTW no ranking do ano anterior, além das melhores empresas para se trabalhar, a partir do ranking nacional, elaborado também pela consultoria.

“Para entrar no ranking que avalia os melhores ambientes para se trabalhar, as companhias e suas lideranças precisam estar embarcadas num processo constante de transformação cultural e melhoria do ambiente de trabalho, que traga para o centro do debate as relações entre as pessoas, o desenvolvimento dos funcionários e que gere impacto positivo para os negócios e esse índice vai dar a oportunidade do mercado enxergar isso de forma ainda mais palpável”, explica Ruy Shiozawa, CEO da Great Place to Work Brasil.

Segundo Kondic, uma vez definido quem entrou na carteira, a próxima etapa será a de ponderação. “Nesse índice, os ativos vão ter pesos iguais, porém as empresas que estão no ranking das 150 melhores empresas para trabalhar no Brasil da GPTW vão ter uma distinção e um peso maior. Estar no ranking das 150 melhores faz diferença”, diz.

Performance do índice

A B3 aplicou a metodologia do índice de forma retroativa para entender o que teria acontecido se o índice já existisse e foi possível observar que, para o período de 3 anos, o índice teve um resultado superior ao Ibovespa B3.

“O índice GPTW B3 conseguiu superar o Ibovespa B3 em todos os períodos analisados, apresentando um retorno maior. Quando avaliamos em termos de risco, também conseguiu superar o Ibovespa B3 apresentando um risco menor”, analisa o diretor-executivo da B3.

Imagem: ShutterStock

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: