fbpx

Cibersegurança e proteção de dados são tema de evento para executivos de varejo 

“Cibersegurança e proteção de dados” serão os temas da 6ª edição do evento “Quando os presidentes se encontram”, organizado pela Gouvêa Academy, que será realizado nesta quarta-feira (27). No evento, totalmente virtual, diretores de grandes varejistas brasileiras terão a oportunidade de discutir a importância da segurança digital, bem como suas particularidades e aplicações no segmento.

A ideia é que os participantes consigam traçar novas estratégias e implementar ações de modo a tornar as operações mais protegidas e confiáveis para os consumidores.

O diretor-presidente da Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD), Waldemar Gonçalves, e o vice-presidente de Engenharia da América Latina na Fortinet Marcelo Mayorga, serão os principais convidados. O head de Segurança da Informação da Aliansce Sonae, Abian Laginestra, e o head de Cyber Security da OLX, Paulo Baldner, participam como convidados do painel de debates.

Eles vão tratar de temas como os impactos da LGPD no consumo e no varejo, o panorama da cibersegurança no setor internacional e como garantir segurança e, ainda, modos de evitar fraudes em operações online, entre outros. P

“O histórico dos diversos episódios recentes envolvendo cibersegurança mostra que, gostemos ou não, esse tema precisa ser priorizado por empresas, dirigentes e profissionais de todos os setores. Em especial, aqueles que têm ampla base de clientes, como o varejo em todos os seus canais”, afirma Marcos Gouvêa de Souza, fundador e diretor-geral da Gouvêa Ecosystem, à qual pertence a Gouvêa Academy.

Ataques cibernéticos disparam

O Brasil sofreu mais de 16,2 bilhões de tentativas de ataques cibernéticos na primeira metade de 2021. Segundo um estudo feito pela Fortinet, especializada em soluções de segurança digital, o número de tentativas de ataques manteve a trajetória de alta no País.

Realizado pelo FortiGuard Labs, laboratório de inteligência de ameaças da empresa, o levantamento aponta que a América Latina segue a mesma tendência de alta e registrou 91 bilhões de tentativas de ataques no primeiro semestre de 2021. Na região, o México ocupa a primeira posição do ranking (60,8 bilhões), seguido por Brasil (16,2 bilhões), Peru (4,7 bilhões) e Colômbia (3,7 bilhões).

Alexandre Bonatti, diretor de engenharia da Fortinet Brasil, afirma que a expansão dos modelos híbridos de trabalho e ensino representa uma grande oportunidade para os criminosos. “É por isso que vemos um crescente número de ataques a dispositivos de IoT e a recursos vulneráveis utilizados em reuniões e aulas, como câmeras e microfones.”

Imagem: Shutterstock

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: