fbpx

Heineken promove intervenções urbanas em São Paulo

Ações visam apoiar a retomada cultural com um viés sustentável para a vida noturna, cena cultural e a ressignificação de espaços urbanos

Em apoio a retomada cultural, a Heineken promoveu duas ações com foco em inspirar um mundo mais verde, criativo e humano. A iniciativa faz parte da Green Your City, plataforma apresentada em novembro, que propõe uma série de iniciativas com o viés sustentável para a vida noturna, cena cultural e a ressignificação de espaços urbanos.

No dia 26 de novembro foi lançada o projeto arte-passagem, projeto de intervenções urbanas criado pelos artistas Ilê Sartuzi, Matheus Chiaratti, Pedro Zylbersztajn e o curador João Paulo Quintella. O local escolhido foi o Edifício Eiffel, último projetado por Niemeyer na capital paulista, que tem unidades residenciais com vista para a praça, cobogós redondos e uma galeria de lojas de acesso público.

Ressignificando o espaço, o arte_passagem conta com três exposições e duas performances, que acontecerão até março de 2022. “A ideia é que os projetos sejam conceitualizados e lidos em relação ao contexto onde estão inseridos, e vistos pelos transeuntes da cidade, no fluxo de suas passagens”, afirma o idealizador e artista Ilê Sartuzi.

Para a primeira intervenção, que fica em cartaz até 8 de janeiro, obras inéditas e comissionadas das artistas Ana Matheus Abbade e Agrippina R. Manhattan ocupam a vitrine. Abbade apresenta uma série de intervenções instalativas que se originam de sua pesquisa com substâncias químicas, e que mais tarde se transformam em ativação performática com tecidos sendo tingidos na calçada em frente à galeria.

Já Manhattan parte de uma preocupação sobre tudo que restringe a liberdade: palavras, pensamentos, normas e hierarquias. Pensando escultura como poesia e poesia como escultura, um letreiro de led marca a participação da artista.

Sonia Andrade, conhecida pelo pioneirismo da videoarte no Brasil, mostra na exposição um vídeo acompanhado de uma fotografia dos anos 2000, onde são sobrepostos espaços geográficos distintos que apontam para diferentes relações do olhar com o espaço público. Seus vi?deos experimentais colocam o corpo no centro da acão construída na relação direta com a televisão como meio.

A artista Fabiana Faleiros, realizará uma performance na praça em frente à vitrine no dia 11 de dezembro. Até abril de 2022, o espaço recebe outras duas intervenções artísticas que permeiam temas da contemporaneidade, como afetividade e sexualidade sob um viés político, comportamento social, lugar de fala e padrões estéticos. Em um diálogo entre tempos, o edifício modernista convive com ocupações urbanas que integram o projeto arte_passagem, reforçando o papel da arte em retratar o período e contexto em que ela acontece.

Próximas exposições

Na segunda intervenção do arte_passagem, a partir de 13 de janeiro de 2022, a galeria comercial do Edifício Eiffel recebe Rafael RG, com trabalhos pautados nas relações afetivas e sexuais e suas implicações políticas, representações do amor na literatura e artes plásticas, além de questões raciais e culturas afro diaspóricas. Para esta intervenção, o paulista estabelece um contraponto com reproduções dos adesivos de Leonilson, um dos um dos maiores nomes brasileiros da arte contemporânea, também expostos no espaço.

Em fevereiro, o Grupo Mexa apresenta a última performance do projeto que, através da dança, assume lugares de fala e de falha de conceitos para enquadrar corpos e estéticas. A dupla Amador e Jr – Segurança Patrimonial são os representantes do projeto em sua última etapa, que acontece em 11 de março.

O duo formado por Antonio Gonzaga Amador e Jandir Jr – Amador e Jr – Segurança Patrimonial propõe performances com os artistas, necessariamente, trajados com uniformes de segurança, com ações específicas para cada ambiente. Seus trabalhos são pautados pelas relações entre os espaços artísticos institucionais em sua dimensão pública e as pessoas que trabalham cotidianamente em sua salvaguarda, em um exercício de especulação sobre os trabalhadores nestas funções.

O arte_passagem começou em 2018 como uma ocupação artística de uma vitrine na Galeria das Artes do centro de São Paulo, onde, periodicamente artistas eram convidados a intervir através de propostas que dialogassem com o entorno do centro da cidade. Entre 2020 e 2021, o projeto passou a realizar um programa online chamado “Alguns Dias”.

Imagem: Divulgação

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: