fbpx

Com variante Ômicron, São Paulo mantém exigência de máscara em espaços abertos

Prefeitura de São Paulo decide cancelar Réveillon 2022

Após três casos confirmados da variante Ômicron do coronavírus, o Estado de São Paulo decidiu manter a exigência do uso de máscara em espaços abertos. A flexibilização havia sido anunciada no último dia 24, baseada em dados do avanço da vacinação e do cenário epidemiológico, e passaria a valer a partir de 11 de dezembro.

O anúncio foi feito pelo governador João Doria na manhã desta quinta-feira, 02, e atende a recomendação do Comitê Científico, que apontou que há incertezas quanto ao impacto da variante ômicron às vésperas do fim de ano. Segundo o Comitê, os períodos de Natal e do Réveillon costumam provocar grandes aglomerações, o que facilita a transmissão de doenças respiratórias como a covid-19.

“Decidimos adotar essa medida por prudência com o cenário epidemiológico no estado. Todos os números demonstram que a pandemia está recuando em São Paulo, mas vamos optar pela precaução. O nosso maior compromisso é com a saúde da população”, disse Doria.

O estado de São Paulo tem, atualmente, 75,8% da população com esquema vacinal completo. Quando considerada apenas a população adulta, o percentual é de 93,7%.

Réveillon cancelado

A Prefeitura de São Paulo decidiu cancelar o Réveillon 2022 e manter a obrigatoriedade do uso de máscaras na cidade por tempo indeterminado.  A medida foi anunciada após resultado de estudo sobre a situação epidemiológica da cidade, feito pela própria gestão municipal, aponta ar necessidade de cautela.

São Paulo confirmou nesta quarta-feira, 1, o terceiro caso da variante Ômicron no Brasil. Trata-se do passageiro da Etiópia que desembarcou em Guarulhos no último sábado quando testou positivo para covid-19. O homem de 29 anos foi testado no aeroporto ao desembarcar no país e não apresentava sintomas. Ele é vacinado com as duas doses do imunizante da Pfizer.

Os dois primeiros caso da variante Ômicron foram confirmados na terça-feira, após sequenciamento genético realizado pelo laboratório do Hospital Israelita Albert Einstein. Os casos são de homem de 41 anos e uma mulher de 37, provenientes da África do Sul. Eles desembarcaram no Brasil no dia 23 e fizeram exame antes de embarcar novamente no dia 25.

Prefeituras de ao menos 15 capitais brasileiras anunciaram cancelamento total ou parcial das festas de Réveillon por conta da covid: Aracaju, Belém, Brasília, Campo Grande, Cuiabá, Florianópolis, Fortaleza, João Pessoa, Natal, Palmas, Porto Alegre, Recife, Salvador, São Luís e Vitória.

Imagem: Rovena Rosa/Agência Brasil

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: