AES Brasil e Unipar fecham acordo para autoprodução de 91 MW em geração eólica

Empreendimento terá investimento de aproximadamente R$ 510 milhões

A AES Brasil fechou um acordo com a Unipar para autoprodução de energia de 91 megawatts (MW) no Complexo Eólico Cajuína. O empreendimento, que será implantado no Rio Grande do Norte, terá investimento de aproximadamente R$ 510 milhões.

Da energia produzida, 40 MW médios serão comercializados por meio de um contrato com prazo de 20 anos a ser firmado com a Unipar, com início de vigência em 2024.

Esse é o segundo contrato firmado entre as duas empresas, que já possuem uma joint venture com capacidade de 155 MW em geração de energia no Complexo Eólico Tucano, que está sendo construído na Bahia.

“A AES Brasil reforça sua estratégia de crescimento e diversificação de portfólio da Companhia por meio de
desenvolvimento de projetos de fontes complementares à hídrica e com contratos de longo prazo e com retornos consistentes, visando a criação de valor para os acionistas”, informou em fato relevante.

Segundo a empresa, o Capex estimado para o desenvolvimento do parque eólico é de
aproximadamente R$ 5,6 milhões/MW instalado.

Complexo Eólico Cajuína

O Complexo Eólico Cajuína soma, ao todo, 473 MW de capacidade em suprimento de energia, totalmente contratado ao longo de 2021.

O local possui capacidade instalada total de 1.248 MW, sendo 775 MW em desenvolvimento.

Com informações de Estadão Conteúdo

Imagem:

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: