Lojas de brinquedos esperam crescer entre 5% e 7% em 2022

As vendas do setor aumentaram 5% no ano passado, apesar do 'abre e fecha' dos estabelecimentos

Apesar das restrições de funcionamento causadas pela pandemia de covid-19, que comprometeram os resultados de muitos varejistas, as lojas de brinquedos registraram um crescimento de 5% nas vendas no ano passado e alcançaram um faturamento de R$ 2 bilhões. Para este ano, a expectativa é repetir o crescimento de 5% ou até mesmo chegar aos 7%.

Os números são da Associação de Lojistas de Brinquedos do Brasil (ALBB), que reúne mais de 180 lojas especializadas. As lojas associadas costumam trabalhar em média com 1.200 a 1.500 itens nas prateleiras e registraram um aumento de 9,7% no valor do produto comercializado em 2021, de R$ 84 para R$ 92.

A presidente da entidade e proprietária da Blanc Toys, Renata Falcone Blanc, espera encontrar oportunidades para ampliar os negócios na Abrin 2022 – 38ª Feira Internacional de Brinquedos, que será realizada de 13 a 16 de março no Expo Center Norte, em São Paulo.

Maior evento do mercado do brinquedo na América Latina e palco dos principais lançamentos, tendências, conteúdo especializado e relacionamento entre profissionais do setor, a Abrin 2022 é aguardada com ansiedade pelos lojistas, que não puderam se encontrar ano passado.

“Nossas expectativas são enormes. Apoiamos a Abrin por promover um encontro fundamental para os negócios e gerar oportunidades”, diz Renata Falcone Blanc. Para o segundo semestre, a associação planeja lançar uma linha de produtos exclusivos com a marca da ALBB. “Neste ano teremos lançamentos de bons filmes, que impulsionam os brinquedos licenciados”, explica.

Abrin Talks

Promovida pela Francal Feiras e pela Abrinq, a Abrin 2022 – Feira Internacional de Brinquedos deve movimentar 25% dos negócios do setor, conforme acontece a cada edição, em virtude das oportunidades que oferece durante seus quatro dias. A Abrin ainda oferece conteúdo com especialistas para o empresário incrementar seus negócios no Abrin Talks.

No primeiro dia (13), especialistas vão demonstrar como pequenas e médias lojas de brinquedos podem crescer, o futuro do varejo no meio digital e a crescente preferência dos consumidores pelos jogos de tabuleiro.

O segundo dia (14) abre com uma apresentação do presidente da Abrinq, Synésio Costa, sobre o mercado de brinquedos, resultados e expectativas. Em seguida, o foco passa para a necessidade de uma comunicação eficiente com os clientes, as tendências de personagens (storytelling) e experiências de sucesso que podem ser aplicadas a qualquer ponto de venda.

No dia 15, os especialistas vão conversar sobre o varejo físico (visual merchandising) e o digital (marketplace, cashback, gestão da loja online), e um importante aspecto que permeia estes dois universos: a experiência do cliente.

Para fechar a programação do Abrin Talks no dia 16, os temas passam pela sinergia das lojas físicas e virtuais (omnichannel), novas tecnologias para o comércio online, melhores marcas e personagens licenciados para expandir as vendas e a importância do marketing de influência para impulsionar os resultados.

A programação completa da feira de brinquedos pode ser conferida clicando aqui. O evento é exclusivo para lojistas e profissionais do setor. O credenciamento está aberto até o dia 10 de março.

Imagem: Shutterstock

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: