Riachuelo e Meta se unem para promover o empreendedorismo feminino

Palco escolhido para essa ativação foi a loja da Riachuelo na Avenida Paulista

Em celebração ao Dia Internacional da Mulher, comemorado nesta terça-feira, 8, a Riachuelo e o Instituto Riachuelo se uniram à Meta, empresa que controla o Facebook, Instagram e WhatsApp, para dar visibilidade para pequenas empreendedoras. O palco escolhido para essa ativação foi a loja da varejista na Avenida Paulista, que irá expor no lugar de seus tradicionais “looks” o movimento #CompreDelas até o dia 13 de março, domingo.

O movimento foi criado pela Meta, em março do ano passado, e tem como principal objetivo apoiar o empreendedorismo feminino. A diretora de marketing da Meta na América Latina, Débora Nitta, destacou que essa é uma das ações que a empresa tem feito para apoiar o empreendedorismo feminino, mas que o #CompreDelas tornou-se especial por conta da pandemia.

“Temos um estudo global na Meta que mostra que o impacto da covid-19 foi maior para empresas de mulheres ou pessoas pertencentes a minorias. Notamos que as PMEs lideradas por mulheres tinham maior tendência a reportar uma piora na performance de vendas”, afirma Débora. “Por isso, seguimos trabalhando para incentivar as pessoas a comprarem da pequena empreendedora”, completa a executiva.

Rede colaborativa

O projeto é baseado na construção de uma rede colaborativa de divulgação e troca, tudo isso com a missão de contribuir para o enriquecimento de estabelecimentos comandado por elas. A ativação em parceria com a Riachuelo traz empreendedoras de diversos segmentos, como acessórios, quebra-cabeça, papelaria, sabonetes e bordados do sertão feitos à mão.

Além dos empreendimentos que utilizam as plataformas da Meta para fazerem seus negócios, a ativação irá contemplar as Bordadeiras do Caicó, dedicadas a arte típica do sertão do Rio Grande do Norte e apoiadas pelo Instituto Riachuelo. As artesãs também receberão um treinamento com foco no uso de ferramentas de marketing digital para promover e potencializar os negócios.

“A Riachuelo coloca a mulher como centro do negócio há 75 anos e tenho orgulho em participar desse projeto e acompanhar de perto o empenho dessas mulheres em prol de seu trabalho e de sua arte, trazendo trabalho, renda e dignidade para suas famílias”, comentou Marcella Kanner, head de comunicação da Riachuelo e diretora de comunicação do Instituto Riachuelo.

Exposição nas vitrines

Com o objetivo de expor esses diversos empreendimentos, a marca utilizará as vitrines de sua loja para destacar 4 empresas lideradas por mulheres e que utilizam os canais da Meta para promover seus negócios. Além delas, também estará exposto o projeto das Bordadeiras do Caicó.

Estarão em destaque a Daniela Petroni, da Puzzle Me, que cria e faz quebra-cabeças personalizados e 5% do valor é doado para ONGs de causas femininas;  Aline Neumann, da Afrotik Acessórios, empreendedora preta que cria joias com foco na ancestralidade africana; Graziella Luzini, da Entre Paredes, que faz cartões, quadros, planners; e Gabi Spirandelli, da Home﹒Lab – Soaps & Co, empresa focada no autocuidado e na fabricação de aromas para ambientes e sabonetes artesanais.

Imagem: ShutterStock

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: