Consumidores brasileiros preferem lojas virtuais para comprar produtos esportivos

Estudo realizado pela Brain Inteligência Estratégica mostra que a geração Z é a que mais compra nas plataformas digitais

Os consumidores brasileiros estão cada vez mais interessados em adquirir produtos através de e-commerces e marketplaces, o que também se reflete entre os entusiastas do esporte: 35% preferem realizar compras de itens esportivos em lojas virtuais, enquanto 32% preferem as lojas físicas e 30% veem os shoppings centers como pontos de venda mais atrativos, de acordo com estudo realizado pela Brain Inteligência Estratégica.

O levantamento destaca que a geração Z, pessoas nascidas entre 1990 até 2010, é a que mais compra nas plataformas digitais, representando 45% do total. Já os indivíduos nascidos entre 1965 até 1980, a geração X, são os que mais adquirem em shoppings (39%).

“Os meios de pagamentos digitais oferecem uma maior praticidade ao consumidor brasileiro, que otimiza o seu tempo com compras online. O digital tem sido um grande aliado na busca por melhores preços e oportunidades”, afirma Fernando Lamounier, educador financeiro e diretor da Multimarcas Consórcios. Ele aponta que o crescimento das compras no e-commerce é resultado da digitalização e modernização dos serviços financeiros.

Quando se trata de gastos, a média dos entrevistados com vestuário e calçados esportivos é equivalente, atingindo R$ 151, sendo a geração X a que mais investe nesses itens, com custo mensal de R$ 203. O Sul do País apresenta a maior média, com R$ 185.

Banner Curso ONE FRIEDMAN

O gasto médio com mensalidades para serviços como treinadores e instalações é de R$ 149. A geração que mais investe nas infraestruturas das atividades físicas é a baby boomers, nascidos entre 1945 e 1964, com custo mensal de R$ 170, destacando a região Sudeste com a maior média (R$ 193). A natação é o esporte com mais gastos (R$ 364).

“A busca por ofertas sempre ajuda o orçamento final. Por isso, é importante que o consumidor fique de olho em promoções e busque academias ou atividades que apresentem um custo benefício mensal atrativo, com o fim de manter uma vida saudável sem entrar no vermelho”, explica o Lamounier.

Os entrevistados (25%) alegam que a frequência de compra é de ao menos um item esportivo por mês. Os principais fatores que influenciam na decisão final são a qualidade do produto (65%) e o preço (62%).

Imagem: Shutterstock

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

https://www.youtube.com/watch?v=hJe-myuv4BA

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist