fbpx

Vivara e Restoque estão entre as 100 maiores em ranking mundial de bens de luxo

As brasileiras Vivara e Restoque fazem parte de um ranking elaborado pela Deloitte com as 100 maiores empresas de bens de luxo do mundo. A sétima edição da pesquisa “Global Powers Of Luxury Goods 2020” mostra que, em 2019, as empresas que compõem o ranking geraram, juntas, uma receita de US$ 281 bilhões, o que representou um crescimento de 8,5% em relação ao ano de 2018.

O valor mínimo de receita necessário para que uma marca seja contemplada no ranking é de US$ 238 milhões. A Vivara, do ramo de joias, aparece neste ano na 89° posição, e a Restoque, voltada para moda, em 99° lugar.

“As empresas de bens de luxo movem boa parte do mercado de consumo no mundo todo e nessa edição temos duas brasileiras, sendo que a Vivara subiu para o ranking durante o ano de 2019 junto com empresas da França, Estados Unidos, Coreia do Sul, entre outros países”, destaca Ricardo Balkins, sócio-líder da área de Bens de Consumo da Deloitte.

O estudo revela que as companhias de bens de luxo estão aproveitando as tecnologias digitais para aumentar e gerar novas experiências para os clientes. As chamadas “tecnologias verdes” e outras estratégias que ajudam a reduzir o impacto ambiental estão em alta nos planejamentos das marcas. Esses novos valores e perspectivas em relação às necessidades dos consumidores podem ser um divisor de águas no mercado de luxo.

“A crise gerada pela pandemia da Covid-19 levou as marcas a mudarem seu modo de pensar e a adotarem novos paradigmas e valores. O esperado é que empresas brasileiras sigam esse mesmo caminho, criando uma conexão maior com os consumidores”, complementa Ricardo Balkins.

No ano de 2019 o aumento da receita das Top 100 empresas de luxo foi de 8,5% em relação a 2018. Pela primeira vez desde que a pesquisa é realizada, as dez maiores empresas do ranking contribuíram com mais da metade do total de vendas de bens de luxo do total (52,2%). Esse crescimento ultrapassou os 8,5% de aumento do total das 100 empresas – foi de 11,9% em relação ao ano anterior.

A “Global Powers of Luxury Goods” identifica as 100 maiores empresas de bens de luxo em todo o mundo com base nas vendas consolidadas de bens de luxo no ano fiscal de 2019, que foi de 1° de janeiro a 31 de dezembro, utilizando dados públicos e avaliando seu desempenho em regiões geográficas e setores de produtos. Ele mostra também as principais tendências que moldam o mercado de luxo.

Imagem: Divulgação

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: