fbpx

Sem glitter ou plástico: Shopping Parque da Cidade tem decoração 100% sustentável

Papai Noel, lacinhos, bolinhas vermelhas e enfeites. Todos esses elementos tradicionais fazem parte da decoração de Natal do Shopping Parque da Cidade, na zona sul de São Paulo. A diferença é que, no lugar de glitter, espuma e plástico, estão madeira certificada e reciclada, tecido reutilizado e reutilizável, folhas secas, papelão e estruturas de árvores que foram usadas em anos anteriores.

A decoração 100% sustentável fica exposta até 6 de janeiro de 2021. “O glitter, por exemplo, pode até dar mais brilho, mas não usamos porque é um material altamente tóxico e que agride a natureza”, diz Stella Pinheiro, gerente de marketing do empreendimento. “Temos de ser condizentes com o que estamos pregando, uma vez que trazemos em nosso DNA o conceito de life center“, completa.

O piso térreo conta com a Estufa do Papai Noel, com floreiras, que apresenta cada uma das fases de cultivo: preparação do solo, plantação das sementes, germinação e cultivo.

No nosso espaço de Coworking, no 1º piso, o bom velhinho mostra as flores que plantou lá na estufa. Aproveitando para celebrar com vocês a nossa boa colheita. A Árvore dos Sonhos, localizada no Parque da Ideias, no 1º piso, é o caminho para chegar até uma das mais de 200 crianças da Comunidade Paraisópolis, atendidas pelos projetos do Voluntariado Einstein.

O projeto contou com a consultoria da Positiv.a, uma empresa de produtos e serviços ecológicos que faz projetos de paisagismo multifuncional, eficiência energética, compostagem, manejo da água, e tem criado e comercializado produtos com embalagens 100% recicladas e recicláveis. “Nosso papel é orientar sobre quais materiais usar ou não, e cuidar para manter esta cadeia circular”, comenta Rafael Seibel, diretor da Positiv.a.

O Parque da Cidade, erguido, como cita Stella, sob o conceito de life center, dá destaque à experiência, à convivência e justamente à sustentabilidade. O shopping incentiva pequenos lojistas, produtores e artesãos e apoia o conceito de slow-fashion, que consiste em produções em menor escala, respeitando o tempo de confecção, o meio ambiente e as condições de trabalho de quem está envolvido.

Uma das âncoras do shopping é a Clínica Einstein, do Hospital Albert Einstein, que ocupa uma área de mais de 2,5 mil m² e é o maior espaço de saúde dentro de um shopping center no País.

Imagem: Divulgação/Adam Tavares

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: