fbpx

Rede de varejo americana Gap analisa venda de negócios na China

A varejista de roupas Gap está avaliando a situação na China e analisando opções como a de vender seus negócios naquele país. A informação foi publicada pelo site Inside Retail, que tem notícias sobre o varejo na Ásia, com base em apuração da agência Bloomberg.

Documento da empresa informa que ela trabalha com a ajuda de um conselheiro para explorar suas opções e entrou em contato com possíveis pretendentes. Acrescenta, ainda, que existe a possibilidade de que a Gap também possa manter o negócio. A empresa, dona das marcas Banana Republic e Athleta, disse que não comenta rumores.

Na semana passada, a Gap divulgou os resultados das vendas no quarto trimestre do ano passado. Elas ficaram abaixo das expectativas diante dos impactos da pandemia de Covid-19, que continuam prejudicando seu desempenho.

A Gap informou que que está iniciando uma revisão estratégica de opções para seus negócios na Europa, incluindo o possível fechamento de lojas operadas pela empresa no Reino Unido, França, Irlanda e Itália no segundo trimestre.

No mercado chinês, a Gap há cerca de uma década, apostando no aumento da renda na segunda maior economia do mundo para impulsionar suas vendas. No entanto, ela parou de vender roupas da Old Navy no país no ano passado para concentrar seu foco na América do Norte.

O mercado asiático da Gap é responsável por cerca de 5% de suas vendas líquidas globais, de acordo com os dados mais recentes. A empresa não divulga informações sobre vendas específicas para cada país.

Imagem: Divulgação

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: