fbpx

Reserva fará rastreabilidade da produção de algodão com a Abrapa

Certificação faz parte do programa “Sou de Algodão Brasileiro Responsável

De olho em expandir suas práticas de ESG, a marca de roupas Reserva, pertencente ao grupo AR&Co, anunciou sua nova parceria com a Abrapa (Associação Brasileira dos Produtores de Algodão). A marca se tornou a primeira empresa a participar do programa “Sou de Algodão Brasileiro Responsável (SouABR)”, que visa o rastreio completo do algodão que origina as coleções de roupa.

“Agora, todos os nossos clientes terão peças totalmente rastreáveis da semente ao guarda-roupa. Por meio de um QR Code, será possível saber quem produziu o algodão que fez aquele produto, até ele chegar às mãos do consumidor”, explicou Rony Meisler, CEO da AR&Co

O objetivo do programa é oferecer ao consumidor a transparência da cadeia fornecedora e rastreabilidade certificada da origem da matéria-prima. O rastreio e a certificação vão contar com a tecnologia de blockchain a seu favor, com as informações registradas em um bloco criptográficos, o que impede que sejam alteradas e garante segurança e credibilidade das informações.

Todas as empresas que se unirem à Abrapa poderão rastrear por completo a procedência de cada peça de algodão em todas as etapas de produção. “Ao falar em rastreabilidade de algodão responsável, estamos garantindo que aquela peça de roupa que você acabou de comprar, respeita melhores práticas ambientais e sociais em toda a cadeia produtiva”, afirma Meisler.

Produção certificada

Atualmente, o Brasil é o 4º maior produtor de algodão e o 2º maior exportador de fibra do mundo. O volume da safra varia de 2 a 3 milhões de toneladas por ano, quantidade suficiente para atender 100% da indústria têxtil nacional, de acordo com a Abrapa. Dessa quantidade produzida, cerca de 81% saem certificadas pela iniciativa SouABR.

Segundo Júlio Cezar Busato, presidente da Abrapa, o processo de criação dessa iniciativa é o fruto de 15 anos de investimento em melhores práticas para oferecer o melhor produto com as melhores práticas socioambientais. “Sempre quisemos que o consumidor conhecesse quem nós somos e como cultivamos o algodão que ele veste”, afirma Busato.

O programa ABR contempla 178 itens de certificação, classificados em oito critérios principais: contrato de trabalho; proibição do trabalho infantil; proibição de trabalho análogo a escravo, indigno ou em condições degradantes; liberdade de associação sindical; proibição de discriminação de pessoas; segurança, saúde ocupacional e meio ambiente do trabalho; desempenho ambiental; e boas práticas agrícolas.

Imagem: Shutterstock

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: