fbpx

Otimismo e clima de retomada no varejo marcam a Black Friday

Procura por roupas disparou nas buscas feitas no Google, com destaque para botas, patalona e bolsa

Feita com foco na Black Friday, uma pesquisa da Ipsos encomendada pelo Google revelou que 64% dos 500 participantes brasileiros pretendem adquirir produtos na data. Realizado em setembro deste ano, o levantamento revelou ainda que 44% dos participantes são mais cautelosos nas compras da Black Friday, enquanto 56% estão mais abertos às oportunidades da megapromoção.

Um levantamento realizado pelo Google na tarde desta quinta-feira, 25, mostrou que roupas, relógio inteligente e laptop foram os termos com maior crescimento nas buscas na véspera da Black Friday, que acontece nesta sexta-feira, 26.

A procura por roupas disparou 237%, com destaque para botas femininas, calça pantalona e bolsa branca. Na sequência, os produtos mais procurados foram relógio inteligente, 208%; laptop, 165%; lâmpada inteligente, 162%; máquina de café, 158%; vinho, 154%; tênis, 154%; cômoda de bebê, 153%; chapéu, 148% e smart TV 4k, 148%.

Na categoria de smartphones, o destaque é o iPhone 12. Ainda entre os itens relacionados à tecnologia, os consumidores estão interessados em comprar aparelhos para conectar a TV à internet, smart TVs e roteadores.

Varejo físico

O varejo físico também tem grandes expectativas com a Black Friday deste ano. A previsão de um aumento nas vendas é de 30%, em relação ao mesmo período de 2020, além de um investimento maior em publicidade, promoções e campanhas de Natal, segundo números do Spot Metrics, plataforma de Inteligência de Dados e CRM para o varejo físico.

Segundo o estudo, uma das justificativas para o otimismo é a base comparativa fraca, já que ano passado o varejo sofreu com a pandemia e estratégias incipientes para seguir vendendo mesmo com as restrições de distanciamento social. Em 2020, a Black Friday movimentou R$ 7,72 bilhões no Brasil.

Os organizadores da pesquisa também ressaltaram que a estimativa é de que o e-commerce brasileiro deve faturar cerca de R$ 110 bilhões em 2021, 26% acima de 2020, de acordo com a Ebit|Nielsen.

Imagem: ShutterStock

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: