NRF 2022: CEO do IBM reforça compromisso da companhia com ações sustentáveis

A companhia pretende atingir 65% de uso de energia limpa por volta de 2025

O segundo dia de Retail’s Big Show foi marcado por discussões sobre tecnologia e inovação. Uma das principais conversas sobre o assunto foi liderada por Arvind Krishna, CEO do IBM, que comentou sobre a intersecção entre tecnologia e varejo. A Mercado&Consumo embarcou com a delegação da Gouvêa Experience para a NRF e faz uma cobertura especial do evento.

A conversa foi conduzida pela âncora do programa “TechCheck”, Jon Fortt, que trouxe diversos assuntos e tendências tecnológicas para o cenário do varejo. Entre os temas comentados estiveram a otimização de inventário, personalização, blockchain, inteligência artificial, cadeia de suprimentos, entre outros.

Um dos assuntos mais comentados foi a digitalização das empresas que foi acelerada de 10 para 2 anos por conta da pandemia e dos novos hábitos de consumo dos clientes desenvolvidos nesse período.

Neste mês, o IBM Institute for Business Value e a National Retail Federation (NRF) divulgaram um estudo sobre os consumidores e os hábitos de consumo. Um dos insights trazidos pela pesquisa foi a necessidade de agilidade por parte dos varejistas e conseguir integrar as experiências da loja física com o ambiente digital.

O estudo apontou que 72% dos entrevistados usam a loja física como seu primeiro método de compra. Outros 27% disseram que a jornada híbrida, mistura de físico e digital, é o método preferido para compra, e esse número chega a 36% entre os entrevistados da geração Z.

O CEO do IBM destacou que o empenho para ser uma empresa omnichannel são mais importantes do que nunca, e alertou que aqueles que não tiverem os sistemas ideias para análise de dados estarão em desvantagem.

Ações sustentáveis

As ações sustentáveis eram apenas um dos tópicos durante o painel, mas que ganharam grande atenção durante o evento. A mesma pesquisa realizada por IBM e NRF indicou que 62% dos entrevistados estariam dispostos a mudar seus hábitos de consumo para reduzir os impactos ao meio ambiente. Esse número é cinco pontos percentuais maior que o estudo realizado dois anos atrás.

No final de 2020, a IBM também se comprometeu a atingir 100% de uso de energia limpa até 2030. A companhia estará com 65% de energia limpa por volta de 2025. Krishna destacou que esse esforço em prol da sustentabilidade é importante para os clientes e os trabalhadores da empresa.

O executivo comentou que o IBM chegou nessa questão ao perceber que 30% da energia que estava gastando, na realidade, não eram necessárias. Ele completa dizendo que mais do que apenas resolver a questão da energia a empresa decidiu melhorar em todos os segmentos de suas operações.

Por fim, Krishna destacou como positiva a reação por parte dos parceiros do IBM, com eles tendo mais motivação para fazer isso acontecer. “É como a indústria funciona”, afirma.

Imagem: Shutterstock

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: