fbpx

Trabalhador em home office tem hábitos de compra distintos de quem trabalha fora

Geração dos millennials adota mais fortemente comportamentos ecológicos

Os trabalhadores em home office têm hábitos de compra distintos de quem trabalha fora, sendo que o primeiro grupo mostra-se mais ecologicamente consciente. É o que aponta um novo estudo da PwC, denominado Global Consumer Insights Pulse Survey, com 8.681 consumidores de diferentes países, divididos em 22 territórios.

Segundo o estudo, mais de 60% dos consumidores que trabalham em home office compram produtos com embalagens ecológicas ou com menos embalagens e 61% compram mais produtos biodegradáveis/ecológicos. Entre os que trabalham fora, os índices caem respectivamente para 55% e 50%.

O estudo sobre hábitos e comportamento de compra e sobre como as pessoas se transformaram nos últimos seis meses em relação à consciência ecológica e à digitalização revelou que 50% dos consumidores globais já estão preocupados com o meio ambiente. O índice é maior em países como Indonésia (86%), Vietnã, Filipinas (74%) e Egito (68%).

Negócios locais e varejistas independentes

Os resultados também destacam que compras locais tornaram-se fator-chave para a sustentabilidade do varejo. Ao todo, 52% dos consumidores ouvidos no estudo disseram agir “de forma deliberada para apoiar mais negócios locais e varejistas independentes”.

Do ponto de vista etário, o trabalho indicou que a geração dos millennials adota mais fortemente comportamentos ecológicos, enquanto a geração Z demonstra mais aspirações do que ações, sendo superada pela geração X em termos de consciência ecológica.

“A evolução de comportamentos de consumo mais digitais e ecológicos mostra como a pandemia está mudando a equação para as indústrias de consumo. Com os jovens mais otimistas quanto ao futuro, veremos a influência desses novos comportamentos e hábitos no nosso retorno ao trabalho”, diz Sabine Durand-Hayes, líder global de Mercados de Consumo da PwC.

Propósito das marcas

A pesquisa também indicou maior preocupação com o “propósito” das marcas, sobretudo na forma como elas comunicam-se com o consumidor. Por outro lado, além de questões ambientais, existem outros aspectos importantes para os consumidores ouvidos, como a preferência por experiências digitais de compra confiáveis e eficientes.

Mais da metade (51%) dos consumidores identificou-se como “digital”, enquanto o celular e os smartphones foram a plataforma preferida de 39% dos entrevistados para compras online. Para os consumidores, entrega rápida e confiável e disponibilidade dos produtos são fatores igualmente importantes nas compras online, assim como uma boa política de devolução.

Imagem: Bigstock

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: