Como utilizar dados para impulsionar as vendas no varejo

Business Intelligence (BI) vem ganhando espaço por captar e estruturar dados para tomadas de decisões mais assertivas

O uso de novas tecnologias para identificar diversos pontos do negócio e tomar decisões mais assertivas pode alavancar as vendas no varejo. Uma das novidades que vem ganhando espaço é o Business Intelligence (BI), processo que utiliza diversas tecnologias de captação e estruturação de dados  para fornecer informações sobre as decisões já tomadas e as que ainda serão nos diversos segmentos da empresa.

“Destaco sempre a questão do passado, pois, para o dono do negócio, para o gestor, a pergunta do milhão é ‘o que eu devo fazer no futuro para atingir os objetivos A, B e C?’ Na verdade, antes desta pergunta é fundamental responder com propriedade a outra pergunta: o que exatamente eu fiz no passado?”, explica Gabriel Queiroz, sócio e fundador da BBI Solutions.

Como utilizar dados para impulsionar as vendas no varejo
Gabriel Queiroz, sócio e fundador da BBI Solutions

Como exemplo, ele afirma ser possível obter informações extremamente detalhadas de todos os investimentos em marketing e seus resultados no aspecto de métricas e anexá-los aos resultados do negócio, como vendas, demanda, pedidos etc. A partir disso, por meio de Inteligência Artificial, traçar milhares de análises e simulações que vão indicar que para vender mais um determinado produto, se deve anunciar nos canais X, Y e Z com a intensidade 1, 2 e 3.

“É uma revolução. Saímos do achismo para uma probabilidade muito alta de se obter os resultados pretendidos. As empresas precisam construir e implementar isso. Quem ainda não o fez já está atrasado e vai continuar a gastar mais do que deveria ou ter um retorno do investimento menor do que deveria”, afirma.

Dados coletados

Entre as informações que podem ser utilizadas pelo BI, Queiroz cita os comentários e as reações a um post, a quantidade de pessoas que entram na loja e o tempo que elas ficam lá dentro, a previsão do tempo ou a cotação do dólar.

“Tudo pode virar linhas e colunas de dados e, com isso, alimentar um modelo para melhorar os seus KPIs. Por isso que eu digo que é fundamental o uso de tecnologia. É humanamente impossível uma pessoa capturar tais informações e ‘jogá-las’ em uma planilha de Excel.”

Segundo Queiroz, como as empresas que atuam com BI possuem estrutura pronta, a tecnologia também é acessível a pequenas e médias empresas.

Imagens: Shutterstock e Divulgação

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: