fbpx

Aos 113 anos, Pernambucanas abre primeira loja no Norte do Brasil

Unidade fica na cidade de Gurupi, no Estado de Tocantins; rede chega ao Nordeste também nesta semana

A tradicional rede de varejo Pernambucanas inaugura nesta terça-feira (22) uma loja na cidade de Gurupi, no Estado do Tocantins. Esta será a primeira unidade da marca na região Norte do País. Ainda nesta semana, a Pernambucanas chega, também, ao Nordeste, com a abertura de uma loja no Shopping Bela Vista, em Salvador, na Bahia, no sábado (26).

Chegar nas regiões Norte e Nordeste é um marco para a empresa, é a realização de um sonho. Por mais que nosso e-commerce entregue em todo o Brasil, sempre nos pediam para estar fisicamente nessas regiões. Estamos trazendo toda a nossa excelência em atendimento, produtos e serviços de qualidade, além de uma experiência de compra totalmente dinâmica e personalizada”, conta o CEO da Pernambucanas, Sergio Borriello.

A unidade em Gurupi possui 850 m² e a loja do Shopping Bela Vista tem 1.022 m². As duas geraram mais de 40 empregos diretos e quase 170 indiretos. Em 2020, foram contratados mais de 1.100 profissionais e, somente com as inaugurações realizadas este ano, a marca já totaliza quase 300 empregos.

Com as duas inaugurações, a Pernambucanas chega a 426 lojas no País e a atinge a marca de 14 novas unidades só em 2021. Após encerrar o ano de 2020 com 38 lojas abertas, a companhia quer bater mais um recorde histórico de inaugurações com a retomada nas regiões Norte e Nordeste.

Para marcar o aquecimento da inauguração no Shopping Bela Vista, os baianos podem conferir uma nova experiência de compra com o Caminhão Pernambucanas. Localizado no conhecido Camarote de Salvador, onde são realizados os circuitos de Carnaval, o Caminhão oferece uma “degustação” dos produtos e serviços financeiros da marca até o domingo (27), das 8h às 20h.

Aos 113 anos, Pernambucanas abre primeira loja no Norte do Brasil
Caminhão Pernambucanas oferece uma “degustação” dos produtos e serviços financeiros da marca

Pernambucanas em Pernambuco

Depois da Bahia e do Tocantins, a companhia avalia abrir lojas no Amazonas e no Sergipe, além da possibilidade de criar um centro de distribuição no Nordeste. Também tem planos de chegar a Pernambuco em 2022.

Apesar de o nome da rede fazer menção ao Estado do Nordeste, a Arthur Lundgren Tecidos, que dividiu a marca Pernambucanas com Lundgren Irmãos Tecidos – falida em 1997 -, nunca teve lojas na região. Na época da reestruturação societária, a empresa que quebrou tinha ficado com a operação no Rio de Janeiro e no Nordeste, e a Arthur Lundgren Tecidos com os negócios no Sul, no Centro-Oeste e em São Paulo. Em 2019, a Arthur Lundgren Tecidos voltou a operar com a Pernambucanas no Rio de Janeiro e agora segue para o Nordeste.

Além do varejo, a companhia tem a sua fintech, a Pefisa, braço financeiro do grupo, responsável pelo desenvolvimento e gestão dos produtos como a Conta Digital Pernambucanas, Pix, Carteira Digital, cartões, empréstimo pessoal e seguros.

Recentemente, por meio da Prefisa, a rede firmou uma parceria com a Autopass, empresa de mobilidade urbana que atua na gestão da cadeia de bilhetagem eletrônica para o transporte público. O objetivo é oferecer soluções financeiras para os milhões de passageiros que usam os meios de pagamento administrados pela companhia.

A empresa também anunciou há poucos duas uma ampliação nos canais de vendas: os produtos poderão, agora, ser comprados também pelo site da Amazon. A empresa diz que a iniciativa reforça a estratégia de omnicanalidade, possibilitando ao cliente mais uma forma de se conectar à marca.

Imagens: Divulgação

Redação

Redação

Leia diariamente as notícias mais impactantes sobre varejo, consumo, franquias, shopping center e foodservice, entre outros temas, no Brasil e no mundo.

Relacionados Posts

Próxima Postagem

REDES SOCIAIS

NOTÍCIAS

Bem vindo de volta!

Entre na sua conta abaixo

Recupere sua senha

Digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.

Add New Playlist

%d blogueiros gostam disto: